quarta-feira, 26 de maio de 2010

Almocinho de dia das mães

Usando uma frase da minha irmã, eu não cozinhava até tipo ontem. Não era aquela coisa eu-não-cozinho-mas-faço-o-básico, não mesmo. Eu achava que fazer arroz, por exemplo, era uma coisa mágica (continuo achando isso de feijão, mas abafa...).

Mas aí de repente me deu um negócio, resolvi tentar e, sei lá como, tem funcionado. Agora tô me achando e fico tentando fazer um monte de coisas -- bolo, peixe (!), as sobremesas do domingo, diz aí que eu tento. Levo hoooras, sujo dois terços da louça, quebro umas xícaras no caminho, mas, né, vâmo que vâmo.

No dia das mães, naquela vibe 'vamos deixar mamãe fora da cozinha', minha irmã e eu resolvemos cuidar do almoço. O cardápio: salmão com shoyu e gergelim + salmão com tomate, manjericão e hortelã + batatas souté + aspargos + arroz branco com arroz selvagem + salada + mousse de chocolate + salada de frutas. Vou passar aqui as duas receitas de salmão, passo a mousse depois (super vale a pena, é bem gostoso e simples).


Tudo foi feito na casa da minha mãe, cujo fogão tá meio capenguinha e não tem dourador (que é um negócio fantástico). Depois do almoço, ela mesma comentou que se tivéssemos assado o salmão em um fogão com dourador, ele ficaria mais bonito e com uma casquinha mais crocante. Mesmo assim, ficou ótimo.


Salmão com shoyu e gergelim

- 2 filés de salmão de 140g
- 1 dente de alho amassado
- 4 colheres de sopa de suco de maçã natural (bati a maçã sem casca e sem semente no mixer, com um pouco de água, e não coei -- ficou tipo um purê ralo)
- 1 colher de sopa de shoyu
- 1 colher de sopa de óleo de girassol
- 1 colher de chá de óleo de gergelim
- sal e pimenta do reino moída na hora
- 1 colher de sopa de gergelim torrado


Faça uma marinada misturando todos os ingredientes, exceto os filés de salmão e o gergelim torrado. Coloque os filés em uma travessa rasa e cubra com a marinada. Mexa bem para que esse molho se espalhe por todo o filé. Leve à geladeira por duas horas, virando os filés de vez em quando.
Forre uma assadeira/refratário com papel alumínio, coloque os filés e leve ao forno pré-aquecido por uns 10 minutos. Esse tempo varia muito de forno para forno, então fique por perto. Vire os filés para assar dos dois lados. Basicamente, precisa ficar assado por fora e rosinha por dentro.
Leve a marinada que sobrou ao fogo até reduzir, para dar uma engrossada.
Na hora de servir, cubra com a marinada e salpique gergelim.
Obs: meu pai sempre se preocupa muito com a quantidade de sal que comemos, então, como a marinada leva shoyu, que é bem salgado, nós resolvemos colocar só um pouquinho dela sobre os filés na hora de servir. O restante, levamos à mesa em uma molheira, para quem quisesse se servir de mais.


Salmão com tomate, manjericão e hortelã

- 2 filés de salmão de 140g
- 1 tomate grande sem sementes, picadinho
- 1 cebola fatiada em rodelas
- um punhado de hortelã picado grosseiramente
- um punhado de manjericão picado grosseiramente
- suco de 1 limao
- azeite
- sal e pimenta do reino moída na hora


Marine os filés na mistura de suco de limão, azeite, sal e pimenta do reino. Deixe por uns 10 minutos. Em uma tigela, misture o tomate, o hortelã e o manjericão. Forre um refratário com as rodelas de cebola e coloque os filés sobre elas. Por cima do salmão, coloque, com cuidado para não cair, a mistura do tomate. Tampe com papel alumínio e leve ao forno pré-aquecido. Depois de uns 15 minutos de forno, tire o papel alumínio para deixar dourar. No nosso caso, queríamos um peixe bem sequinho e deixamos a cebola bem queimada.

6 comentários:

Lata de Luxo disse...

Ola, Fatima.
Me diverti com seu relato,mas por outro lado voce e sua irma fizeram um menu muito bom e bonito de ver.Parabens.Cozinha e assim mesmo,tem que estar motivada,dai nao para mais.Gde abraco.zenaide storino.

belinhagulosinha disse...

Tanta coisa boa que linda mesa,jinhoss

Elissa Rocabado disse...

tava una delicia! confesso.

angela disse...

lindo almoço, parabens!

lilly disse...

pra quem começou tipo omntem vc tá maravilhosa!
bjs
lilly

Mari Levenhagen disse...

Mari, te peguei! Eu não disse que era fã do blog da sua mãe?! Agora tenho mais um motivo pra acompanhar, ;) Tá indo muito bem na cozinha! Já já podemos trocar umas receitas, que tal?

Beijos e boa sorte, porque blog e comida viciam!

Mari L.